| p r e f á c i o |

|odiario.blog@gmail.com|

*



.
Um dia estarei ao lado de alguém...
Na beira do mar, juntos, sentados nas areias frente as ondas serenas...
É alguém que me admira...
O dia talvez será uma quarta-feira...
Quem sabe numa tarde ensolarada, um feriado...
Serena expressão, que encanta simplesmente por ser...
Ao meu lado em presença tão especial...
Linda, nos gestos e no coração...
Talvez a tarde esteja ensolarada, em brisas mornas de outono...
Essa pessoa conversará comigo, olhará para mim... Sorrirá para mim...
No sorriso expressão de verdadeira confiança...
Confiarei nela... Será a minha segurança...
Será um momento, uma presença de magia inebriante...
Somos unidos por nada mais a não ser a consideração pela verdade, pela sinceridade, simplicidade e serenidade. O bom senso pela vida.
Sobriedade, compreensão e bondade nas atitudes. Um laço dourado de amizade e amor unindo dois mundos diferentes na distancia, mas parecidos no carinho, na ternura, no amor: Nossos corações...
Durante tempos, durante minutos... Aqueles estáticos minutos, toda uma inexplicável, intensa e apaixonada dedicação de minha atenção. A verdade inexplicável dos meus gestos na verdade sem sentido da vida, toda tomando conta do meu coração, dando sentido a algo sem direção. Toda a direção da vida se fazendo presente naqueles segundos de sentido disperso. Um dogma, como o próprio fato do universo ser...
O mar a frente. Os sons tranqüilizantes das ondas vindo de um cenário infinito, azul... O vento... A vida... Um azul profundo sob juras e promessas infundadas que se acreditadas e confiadas farão da vida a mesma magia daqueles inebriantes segundos. Agora ao lado de tão radiante aura. Transformando-se num encontro permanente de nossos caminhos. Dois mundos, dois corações compartilhando dores e amores... Intermináveis segundos, tornando-se agora bons e intensos momentos da vida, no mundo, por climas e lugares, a volta de seus cintilantes olhares... 
Ronaud Pereira

2 comentários:

*