| p r e f á c i o |

|odiario.blog@gmail.com|

Meu braço direito



A minha mãe dizia-me à pouco ontem enquanto me confortava:
- Sabes filha, nós mães sabemos sempre quando Ele não é o melhor para vocês, mas não temos o direito de vos impedir, estas cabeçadas têm de ser vocês a dar, mas desta vez ele não me desiludiu...
- Não?
- Não querida, ao contrário da primeira vez em que lhe vi os olhos verdes, da segunda vez em que voltou para ser pai, desta terceira vez eu já não consegui iludir-me mais com ele e por isso agora não estou desiludida, estou apenas triste por ti, por teres sido enganada por ti própria, mas vais levantar-te pois tens todos os motivos que precisas para sorrir

Limpou-me as lágrimas e mostrou-me o mundo... Afinal ainda há motivos para sorrir, e isto que se passou, foi apenas a morte de uma andorinha numa Primavera que floresce neste Outono tão alegre


3 comentários:

  1. Se é uma ilusão, melhor que tudo termine.

    ResponderEliminar
  2. A tua mãe está carregada de razão!

    ResponderEliminar
  3. As mães são espectaculares! :)

    ResponderEliminar

*