| p r e f á c i o |

|odiario.blog@gmail.com|

Dos filhos e das leis


Avé Simpatia!!!
Pois foi assim, com estrema simpatia e atenção que acabei de ser atendida pelos dois funcionários do ministério publico que se disponibilizaram a informar, aconselhar e tratar de tudo (e mais alguma coisa) que seja necessário. Confesso que entrei a medo, falei a medo e comecei a ouvi(-los) a medo, incrivel, falam de separações, divórcios, filhos, custódias, pensões, direitos, deveres, como quem passa no talho a comprar meio quilo de bifes para o almoço, é tudo tratado como papeis, mas há que louvar a simpatia. E os sentimentos? Quem os tem que os guarde para si! Ali tratam-se processos, despacham-se papeis, resolvem-se assuntos, se querem ser apaparicados, batam na porta ao lado.

Saí de lá com uma sensação de frieza pelos termos técnicos usados, pelas decisões impostas sem ponderação, meramente regidas pela lei, pelo que está escrito, pelos decretos-lei, mas com a satisfação de ter sido bem esclarecida, de ter tratado o que havia para tratar e agora sim, aguardarei pacientemente (!?), cerca de dois meses[disseram!] pela efectivação da R-E-G-U-L-A-R-I-Z-A-Ç-Ã-O na presença também [se possível (!?)] de Dom-Pai, vamos ver se não embarca antes dessa altura, já está informado, acabei de o fazer via sms, vamos ver...

3 comentários:

  1. Será que ele vai emigrar?
    Ou será que era uma força de expressão pelo desespero de não conseguir uma reconciliação contigo?

    ResponderEliminar

*