| p r e f á c i o |

|odiario.blog@gmail.com|

Futebol sem bola e sem campo e sem treinador


E foi assim que começou ontem o maior sacrifício de mãe e filho, embora oficialmente só ele se possa lamentar disso. Ontem foi a primeira falha de DOM-Piolho ao treino de futebol e foi naquela hora e meia da primeira foot-failed que o Piolho se dedicou a escrever as regras de bom comportamento numa cartolina gigante onde posteriormente decorará a gosto e aplicaremosá num espaço cativo da parede do quarto. Óbvio que a excelência preferiria, mesmo com este frio, vento e gelo, treinar naquela relva lamacenta, a estar fechado no quarto pondo à prova as suas capacidades e artes plásticas. Ruí-me para saber o que estava a fazer enquanto preparava o jantar, juro que ruí, mas não dei braço a torcer, ás vezes as mãe têm de ser infléxiveis, mesmo! Fui imaginando as faltas de pontuação, erros ortográficos e os pouco itens que apostava, que faltavam na lista que mandei escrever. Agora bato na boca três vezes e prometo não mais subestimar as capacidades e [boa] vontade de DOM-Piolho pois este surpreende, quando quer, surpreende. Esta foi, para ele, uma grande chapada sem mão que me deu, uma prova de como consegue, é capaz e é superior a tudo aquilo que me atrevo a pensar dele.
Ah, então tu funcionas com castigos!? 
Muito me ensinas

8 comentários:

  1. Lembro-me de na escola primária uma professora me ter colocado no canto da sala, ajoelhado no chão.
    Joelhos sobre as palmas da mão, com as articulações das mãos pressionadas contra o soalho.
    Sabes o que aprendi com isso?
    Nada.

    ResponderEliminar
  2. eles estão sempre a ensinar-nos! sempre! ser mãe é um processo de aprendizagem...

    ResponderEliminar
  3. Entendo que seja díficil para ti criares o teu filho sozinha, entendo que as crianças, quase todas necessitam de regras, mas não entendo que o castigues por falar na aula, todos os miúdos, e quando digo todos, é todos mesmo, falam na aula, se eu fosse castigar o meu filho por causa disso então ele estaria sempre de castigo. Desculpa se de alguma forma estou a ser injusta ou desagradável, é apenas uma opinião, e vale o que vale .

    ResponderEliminar
  4. Entendo perfeitamente e agradeço sinceramente as opiniões que aqui deixam, se assim não fosse não abriria este espaço a comentário, como noutros post em que não quero saber da vossa opinião

    Mas apartir do momento, como expliquei, que o comportamento influencia as notas, eu tenho de tomar uma atitude, já que não posso por, por falta de autoridade, os professores de castigo, que o faça com quem o posso.

    Custa-me, como é óbvio, que custa, injusto? talvez, mas como disse mais abaixo, se é o melhor ou não, só o futuro dirá, quanto a mim, faço aquilo que entendo melhor

    ResponderEliminar
  5. E como já escrevi também noutro post qualquer, à mais tempo, as regras existem e como existem, têm de ser cumpridas. O Piolho sabe que tem de estar QUIETO e CALADO na sala de aula e não está, logo, desrespeita as regras e por isso é penalizado

    ResponderEliminar
  6. MARIA*
    Não consigo entrar no teu blog :(
    Diz'que não tenho permissão

    ResponderEliminar
  7. Smile. A sério? não sabia, pensei que estava aberto a todas as pessoas e comentários, inclusive os anónimos. Vou ver o que se passa.
    Obrigada, pelo aviso.

    ResponderEliminar
  8. não percas (essa) força!

    ResponderEliminar

*