| p r e f á c i o |

|odiario.blog@gmail.com|

e depois há os reversos...










Sofreram o que ninguém merece sofrer, aguentaram como ninguém aguenta e se sujeitaram ao que ninguém se sujeita, sentiram na pele o cumulo do desumano e aguentaram, pelos filhos, pelo amor e principalmente pela esperança. Fizeram TUDO, mas um tudo que não chegou, não foi suficiente e tiveram a coragem de virar costas e pensar em si e nos queridos-filhos e tiveram coragem de arriscar e dizer chega! pôr o ponto final e erguer a cabeça, sem receios, medos ou vergonhas. Aquelas a quem a vida compensou ao ter posto no caminho a felicidade, o verdadeiro amor que até então não conheciam, a certeza de um futuro feliz, em conjunto, em equipa. A nova esperança que nasceu com o único objectivo felicidade e ainda que a vida não siga parâmetros que devia -ou não- ainda que a felicidade tenha muita mágoa escondida, muito medo, ainda!... o amor está lá, a esperança vive e a certeza de encontrar alguém que aceitou como é, com capacidade para fazer feliz e melhor ainda, com amor para dedicar as pessoas importantes:  filhos.

Aos homens que apareceram, com a capacidade de fazer feliz e com a certeza de que conseguir amar de verdade os filhos que já haviam, que não sendo seus, são aceites como se os tivessem visto nascer, que lhes dedicam do seu tempo, paciência e compreensão, que vêm neles não anexo, mas complemento da felicidade, são os pais do coração que nascem para uma nova família. Porque às vezes vale a pena arriscar e principalmente porque ninguém devia ter menos que isto do amor que lhes sinto e lhes vejo correr nas veias 

8 comentários:

  1. Gostava de ter essa força!

    ResponderEliminar
  2. E o terceiro tipo qual é?

    ResponderEliminar
  3. Por vezes, basta a pessoa ter coragem de se dar uma segunda oportunidade de ser feliz.
    beijinhos

    ResponderEliminar
  4. Sem palavras para este texto...lindo...Bjinho

    ResponderEliminar
  5. Que texto tão bonito tão tocante.

    ResponderEliminar
  6. Lindo! Perfeito! Que bom se pudesse ser sempre assim :)
    Tens uma força enorme!:)
    Bjnhs

    ResponderEliminar
  7. bonitas palavras! as vezes temos que arriscar só mais uma vez :)

    ResponderEliminar

*