| p r e f á c i o |

|odiario.blog@gmail.com|

lei, este é o filho!

E fi-los amigos! Agora o filho já conhece a lei, que, diga-se, contada às crianças é muito mais interessante. Agora o filho já sabe, por exemplo, que amanhã ao fim do dia vai com ela a casa do pai e no dia seguinte com ela regressará para junto da mãe, filho sabe agora também que a lei vai depositar todos os meses um dinheirinho na nossa conta que o ajudará num futuro próximo ou distante, permitirá sonhar mais, aproveitar mais, viver mais os próprios sonhos. Mas filho sabe também que a lei pode falhar, como falham os jogadores de futebol num penalti, que a lei pode ser alterada como num jogo da playstation e de repente começa de novo. Filho nos seus onze anos de vida já viveu com e sei ela -a lei, sempre imposta pela mãe, sempre conversada e discutida e sabe que agora a lei já não é decidida pela mãe, mas pelas regras dos árbitros, como nos jogos de futebol, é igual para todos e sabe também que iremos fazer o melhor para que seja levada a sério e possa fazer esta caminhada lado a lado connosco