| p r e f á c i o |

|odiario.blog@gmail.com|

conheceram em mim a força e nada os convence que estou a fraquejar

As pedras que caminham comigo são pesadelos nos meus sonhos nocturnos, à medida que a vida corre, uns substituem outros. Ontem acordei de um deles para não mais adormecer. Hoje admiti que sim, foi um pesadelo mas acordei e estou conformada. Hoje disseram-me que NÃO, nem pensar, que não se desiste de um sonho, ainda que este seja composto de pesadelos, que preciso acreditar. Mas eu estou tão cansada. Hoje agarraram em mim e regaram-me de esperança, agora volto a dormir, eu, o sonho, o pesadelo e a então esperança que me deram para entretanto tirarem, sei tão bem disso