| p r e f á c i o |

|odiario.blog@gmail.com|

» tardam mas arrecadam «

quando pensares em fazer o bem, pensa se fariam o mesmo por ti, quando te dedicares aos filhos dos outros pensa se o fariam pelo teu e desiste gasta energias em algo que te beneficie, faz de coração mas mentaliza-te que o que tu fazes aos outros não é sinónimo do que os outros te fazem a ti e lembra-te do dia em que escreveste publicamente na rede social 'se a cada pessoa que faz uma promessa ao meu filho sem intenção de cumprir caisse um braço eu só me desiludiria duas vezes com a mesma pessoa' lembra-te disso e pensa mulher, na quatidade de pessoas que enfiaram a carapuça, que tardaram mas voltaram para cumprir, ou aquelas que levaram a peito e hoje passam para o outro lado da rua quando se vão cruzar contigo

1 comentário:

  1. Bem verdade!
    Sou apologista da mesma coisa: fazer o que seja aos outros sem esperar nada em troca e não permitir (sequer) que se façam promessas
    Acho que as pessoas deviam ter vergonha de prometer o que não tencionam cumprir.

    ResponderEliminar

*